Fantástico - Vai fazer o quê?

domingo, 16 de setembro de 2012

Segundo sábado de luz e sombra

O segundo grupo de "O ator invisível" segue batalha contra as armadilhas da palavra. Nada de gesto. É ação física, é o cansaço como primeira verdade construída. Bela é a desconstrução da forma sentimento adentro. Nossos "eus", agrupados, pela dilatação da presença. Todo o lixo – os excessos que acumulamos vida afora –, na Casa do Ator, por meio da força da nossa gente invisível, não tem vez. Valeu, parceiros de tatame! Quem disse que seria fácil? Sábado próximo é dia de câmera.














Nenhum comentário: