Vincent - Um solo de amor

sábado, 9 de outubro de 2010

Antes que o amanhã aconteça (5)

Dorinha fez de tudo para desconversar. Levou os talheres sujos para a pia e colocou comida para o Raul. O cão, agradecido, lambeu-lhe as canelas. Ariela, comendo mamão com vontade, quis desenrolar a língua:

– Mas eu trabalho muito mais que você, né!?
– Acho que sim.
– Estou atrapalhando? Você precisa sair e estou te prendendo, né!?
– Não. Só vou trabalhar à noite. Fique à vontade.
– É que ainda vou tentar falar com o pai. Quero só deixar a raiva dele passar.
– Hoje, você não vai trabalhar?
– Estou de folga. Ter um negócio por conta própria tem disto: a gente vai quando quer.
– É.
– Com o dinheiro que tô ganhando não preciso ir todo dia.
– Há quanto tempo você está nessa profissão?
– Desde os 18.
– Você tá com 20?
– 19. Faço 20 amanhã. E você?
– 29.
– Parece bem menos. Eu te dava 25, no máximo.
– Obrigada. Faz bem ouvir isso.
– E pra mim? Quantos anos você dá?
– A sua idade mesmo. No máximo 20.
– Falam que eu pareço ter mais. Mas os caras gostam é do tipo ninfeta. Tem até fila no quarto. Já fiz 32 programas num dia.
– Sério?
– Pior que é. Hoje não faço isso mais não. Tento fazer programa caprichado e dobro o tempo com o cara. Aí ganho mais. Também passo menos tempo na ralação.
– Você não tem nojo?
– Só no começo. Depois me acostumei. Lavô, tá novo. Até aparecem uns gatinhos lá. Tem uns caras que voltam toda semana e me dão até presente. Tenho uma amiga que quer que eu coloque minhas fotos num site. Tenho medo. Prefiro lá no hotel mesmo. É mais seguro. Pago R$ 80 de diária e o resto é meu.

A romântica cantora da noite jamais imaginou ouvir tanto sobre sexo profissional. No início, chegou a pensar em cortar a menina Ariela, com desculpa de ter que ensaiar o novo repertório para o show, logo mais, em bar dançante.

(Continua no próximo sábado)


Bandeira Dois - Jefferson da Fonseca Coutinho - 9/10/10

Um comentário:

Cacá disse...

Olá, Jeferson! Cá estou curtindo mais um ótimo capítulo e ansioso pelo próximo! Abraços, bom final de semana. Paz e bem.