Fantástico - Vai fazer o quê?

quarta-feira, 26 de maio de 2010

Francisco & Adriano

Violeiros de mão cheia, Adriano e Francisco

Depois de falar tanto em artistas anônimos nas últimas colunas – especialmente sobre o drama do advogado que sonhava em ser pianista –, hoje não dá para deixar de fazer uma homenagem a dois violeiros que, desde 2005, andam mambembando por Belo Horizonte e região metropolitana: Francisco & Adriano. Dois cidadãos de vida dupla, que batalham pelo pão em campos dos mais distintos. Durante o dia, Francisco, 58, é encarregado de obra, bombeiro hidráulico e motorista; já Adriano, 30, de Ribeirão das Neves, é vigilante. Em comum, talento e vocação para a música de raiz.

É uma peleja, amigo leitor. Da reza não sei um terço. É uma labuta a vida desses dois. No entanto, pela prosa sincera do Francisco dá para imaginar as dificuldades que eles enfrentam para manter acesas as chamas que alimentam os sonhos. Decidi dedicar a Bandeira Dois de hoje à dupla depois de ouvir o CD Francisco & Adriano, 14 faixas selecionadas e executadas com muito esmero. O repertório é de dar gosto: Delmir e Rancho Fundo; Praense e Compadre Lima; Tonico, Maninho e Priminho; Tupi e Tupã; Ataide e Alexandre; João Gonçalves; Gino e Geno e muito mais.

A terceira faixa, Moreninha linda, é uma beleza. Deixei o disco girar no carro a semana toda. Fez-me matar a saudade dos avós, grandes admiradores da boa música sertaneja. Fiquei pensando comigo: “Que luta é a vida do artista, que não consegue viver exclusivamente da sua arte”. O Francisco, por exemplo, vive de remendar obras mal-acabadas de tudo que é tipo. Bom moço, além de ter que dá jeito no serviço, ainda tem que ter uma habilidade incrível para lidar com o dono da casa insatisfeito. Foi assim que o conheci, tentando dar jeito numa obra cheia de problemas na casa de um amigo, em Nova Lima.

Enquanto isso, o Adriano, afinadíssimo, dono de bela voz, é bravo vigilante de carreira. Sua parceria com o Francisco ainda vai dar muito o que falar. Além de shows em barzinhos e pizzarias de Ribeirão das Neves, domingo sim, domingo não os dois marcam presença no Programa Alvorada na Serra, com apresentação do Custódio Pereira, das 6h às 8h. O olho do Francisco chega a brilhar quando fala na carreira. Também fala com muito respeito e carinho sobre o companheiro Adriano. Falei muito dos dois para os amigos. Marcamos, dia desses, de prestigiar a dupla num arrasta-pé.

Peço licença aos meus editores do Aqui para dar uma força aos violeiros da melhor qualidade. Publicar os contatos para shows também, já que sonhar com as contas pagas traz mais gosto e alegria. Tomem nota: (31) 3625-8052 e 9261-8799. Sorte na vida, companheiros. Deixo aqui o meu abraço.

Bandeira Dois - Josiel Botelho - 26/5/10

Nenhum comentário: